quarta-feira, 24 de novembro de 2010

EU SOU ESPÍRITA.

O Espiritismo é a minha religião.
Só peço às pessoas inteligentes que me perdoem o fato de que um dos dogmas fundamentais da minha religião, é ela dizer-se ciência.
Mas, é um dogma como outro qualquer; talvez até mais bem arranjadinho do que o dogma da virgindade de Maria, ou o de que Jesus ressuscitou levando o corpo para o céu.
Assim como nenhuma pessoa inteligente vai impedir que católicos e protestantes acreditem nessas coisas, apesar de saberem que não são verdadeiras, espero que também não me impeçam de acreditar que o Espiritismo seja uma ciência, apesar de todos nós sabermos que não o é.
Afinal, é apenas a minha religião.
O que deverá preocupar as pessoas inteligentes, será se eu começar a arregimentar poder para impor minha "ciência" às universidades, ou empurrá-la goela abaixo dos estudantes, como têm feito os adeptos de outras religiões com seus dogmas criacionistas ou sobre os "desejos" de Deus.

Agora, àqueles confrades que ainda acreditam ingenuamente que o Espiritismo não seja uma religião, que é realmente uma ciência (e, não, que a afirmação de "ele é uma ciência" seja apenas um dogma kardeciano), nada melhor que a leitura de refutações de ateus para temperarem suas crenças: http://ateus.net/artigos/critica/espiritismo-ciencia-e-logica/

2 comentários:

  1. Parabéns João! Seus posts são muito precisos e criativos, além, é claro, de corajosos. Novamente preciso concordar com você em gênero, número e caso. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Vagando nessas tantas ruas virtuais, encontrei tua porta de amante das Letras aberta - e entrei. Devo anunciar-me como um desses que diz "Oi, de casa! Trago aqui em minhas mãos a chave para dias melhores: escrevo e vendo livros!". Assim, venho te convidar para visitar o meu blog e conhecer as sinopses de meus romances, a forma de adquiri-los e, posteriormente, discuti-los. Três deles estão disponíveis inclusive para serem baixados “de grátis”, em formato PDF.
    Um grande abraço literário,

    João Bosco Maia

    ResponderExcluir